ESG: da Teoria à Prática

Me lembro da primeira vez que ouvi sobre sustentabilidade no ano de 2005 . Imediatamente o tema me despertou grande interesse e busquei entender cada vez mais sobre o assunto. Recentemente se tornou muito comum e frequente vermos e ouvirmos o termo ESG (Environmental, Social and Governance) que por aqui ainda é pouco conhecido por grande parte das pessoas.

Embora ainda recente para muitos, o termo já é antigo e surge em 2004, resultado de uma iniciativa do então secretário-geral da ONU, Kofi Annan, junto a 50 CEOs de grandes instituições financeiras que acabou gerando uma publicação pioneira do Banco Mundial em parceria com o Pacto Global da Organização das Nações Unidas (ONU) e instituições financeiras de 9 países, chamada Who Cares Wins (Ganha quem se importa).

Mais recentemente a própria Organização das Nações Unidas desenvolveu um plano bastante arrojado com 17 objetivos para um desenvolvimento global sustentável, que coloquei aqui abaixo, mas que pode ser facilmente encontrado como Agenda 2030.

Conceito de sustentabilidade da ONU

Mas saindo da teoria e indo para a pratica: Como adaptar isso e inserir na estratégia de negócio? Em primeiro lugar devo lembrar que a primeira sustentabilidade que você deve se preocupar é a do negócio, pois sem a saúde financeira da corporação não há plano social que possa funcionar, lembremos da frase que citei acima: “Ganha quem se importa”. Os conceitos de ESG devem ser instituídos com responsabilidade e inteligência.


Considerando então que não fazer loucuras para se enquadrar é o primeiro passo para qualquer empresa, o segundo será verificar em quais desses 17 objetivos o seu negócio pode gerar impacto positivo ou negativo e a partir dos targets selecionados iniciar uma própria estratégia e política.


Aqui no Grupo Master Express temos um plano traçado há bastante tempo e posso dizer que ser guiado por esse plano nos traz imensos benefícios, principalmente por nos preocuparmos mais com o conteúdo real do que o marketing pode trazer, isso é apenas uma consequência natural. Quando ouvi sobre isso lá em 2005 as empresas sempre buscavam apenas o aspecto de fazer propaganda, mas isso nunca era maximizado exatamente por ser baseado em imagem e não em conteúdo. Hoje o mercado passou a valorizar essas práticas, sendo que as empresas que sabem como lidar com isso acabam ganhando muito mais em seu valor de marca.

Os 10 mandamentos de sustentabilidade do Grupo Master Express
Os 10 mandamentos de sustentabilidade do Grupo Master Express

Claro que o pilar social é muito mais amplo e iniciativas em causas sociais, desenvolvimento humano, geração de oportunidades inclusivas e contribuir com a comunidade local são fundamentais, mas acho que se queremos ser de fato socialmente responsáveis a primeira comunidade a cuidar é seu próprio time, por isso foquei nesse aspecto.

 

 

Preferi deixar o aspecto do meio ambiente por último porque, em geral, ele é o primeiro a ser lembrado e muitas vezes o único. Aqui o primeiro passo é identificar quais são seus impactos e como você pode lidar com eles, seja reduzindo, seja compensando. Aqui no Grupo Master Express em um passado trabalhávamos mais na compensação através de parcerias com instituições como o SOS Mata Atlântica, mas nos últimos anos temos buscado trabalhar mais na redução de nossos impactos e na gestão consciente dos resíduos gerados. Uma empresa de logística obviamente tem no transporte o seu grande fator de impacto, seja na geração de resíduos ou mesmo na emissão de CO2. 

 

Mais uma vez nos centramos mais no aspecto real do que marketing e desenvolvemos um plano com reduções gradativas que passam primeiramente por inteligência operacional com avaliação de rotas melhores e estratégias que aumentem a produtividade diminuindo a rodagem. Esse simples processo baseado em inteligência trouxe uma redução superior a 15% na emissão de CO2. Somado a isso temos uma estratégia de utilização, sempre que possível, do Etanol, um biocombustível com produção nacional e que é muito melhor para emissão de gases. Temos também alguns planos mais audaciosos que serão apresentados ao mercado muito em breve. Fica o spoiller no ar…

A rígida governança do grupo master express

Sonho com o dia em que os conceitos de ESG se tornarão não um diferencial, mas uma prática comum e padrão de todas as empresas, menos marketing e mais ação. Esse é o caminho que fará das empresas agentes da transformação para um mundo mais justo, equilibrado e próspero. Empresas não podem apenas extrair, elas devem de diversas formas devolver e essa é a real essência da sustentabilidade. “Ganha quem se importa”

 

Meu nome é Fábio Tadeu, diretor executivo do Grupo Master e é sempre um prazer poder trazer conceitos e abrir discussões em temas como logística da saúde, ESG e gestão de times. Sinta-se à vontade para solicitar conexão e me contatar.

Ações Sociais do Grupo Master Express contra o Covid-19

Sonho com o dia em que os conceitos de ESG se tornarão não um diferencial, mas uma prática comum e padrão de todas as empresas, menos marketing e mais ação. Esse é o caminho que fará das empresas agentes da transformação para um mundo mais justo, equilibrado e próspero. Empresas não podem apenas extrair, elas devem de diversas formas devolver e essa é a real essência da sustentabilidade. “Ganha quem se importa”

Meu nome é Fábio Tadeu, diretor executivo do Grupo Master e é sempre um prazer poder trazer conceitos e abrir discussões em temas como logística da saúde, ESG e gestão de times. Sinta-se à vontade para solicitar conexão e me contatar.


Autor – Fabio Tadeu – diretor executivo do Grupo Master Express

Logo Transparente Grupo Master Express

Contato comercial

(11) 5666-3939

comercial@grupomasterexpress.com.br

Outros

contato@grupomasterexpress.com.br

Contato I unidades

NLS  – (11) 2193-2209

SJC – (11) 3933-3838

Curitiba – (41) 3503-5389

Porto Alegre – (51) 3086-3937